Sabe quais são as classes de fundos de investimento que existem?

Hoje vamos falar nas classes de fundos de investimento, venha conhece-las e adeque as mesmas às suas necessidades. Existem 5 classes de fundos de investimento.

Classes de fundos de investimento:
  • Fundos de Tesouraria
  • Prazo mínimo recomendado de investimento: Três meses
  • Risco: Baixo

Esta classes de fundos de investimento é a menos arriscada e por isso também é a mais procurada pelos Portugueses, apesar de não terem capital garantido, raramente têm rentabilidades negativas uma vez que investem em depósitos a prazo e em activos de dívida de muito curto prazo.

Costumam ser uma boa alternativa a depósitos a prazo.

  • Fundos de Obrigações
  • Prazo mínimo recomendado de investimento: Mais de dois anos
  • Risco: Médio/Médio Alto

Leia Também: Correcção Monetária nos Investimentos a longo prazo

Esta classe digamos que se encontra no meio em termos de risco, e mesmo dentro desta classe existe os menos arriscados ( fundos de obrigações de muito e curto prazo ) e mais arriscados ( fundos de obrigações de High Yield* ).

Nesta classe os fundos investem em dívida seja de empresas ou de estados, e como todo nós sabemos, há empresas e estados mais ou menos arriscados, e por isso as rentabilidades nesta classe podem ser díspares.

*High Yield – Obrigações que pagam um alto rendimento com um baixo rating de crédito ( empresas e estados inferiores a “BBB” ), pelo que o seu risco é mais alto.

  • Fundos Mistos
  • Prazo mínimo recomendado de investimento: Mais de três anos
  • Risco: Médio Alto

Como o próprio nome indica, são fundos com uma alocação de multi activos, obrigações e acções.

Dentro desta classe de fundo de investimento também há os que são mais ou menos arriscados, depende sempre da percentagem que têm de acções e obrigações, um fundo misto com alocação de 75% em acções e 25% de obrigações é um fundo mais arriscado que o seu contrário.

Este tipo de fundo é o segundo mais escolhido pelo investidor português, um fundo que acaba por ser bem diversificado e uma alternativa a investir em fundos de acções e obrigações em separado.

  • Fundos de Índice
  • Prazo mínimo recomendado de investimento: Mais de 5 anos
  • Risco: Alto

Podemos falar em dois tipos de fundos diferentes, existem os fundos de gestão passiva em que seguem a 100% um determinado índice bolsista ( este fundo é designado por Exchange-Traded Fund-ETF ), onde a sua compra é feita directamente em bolsa uma vez que são cotados, e os Fundos Índice, que são fundos “normais” de gestão activa como os anteriormente falados mas que tentam também chegar o mais perto possível a uma carteira que replique perto de 100% do seu índice de referência.

De salientar que os ETF´s  têm comissões de gestão muito mais baixas, no entanto, como funcionam como se de uma acção se tratasse e são comprados e vendidos  em mercado, temos de ter em conta os custos cobrados pelas instituições financeiras neste tipo de operações.

  • Fundos de Acções
  • Prazo mínimo recomendado de investimento: Mais de 5 anos
  • Risco: Alto

São a classe mais arriscada e por isso também a que poderá dar mais retorno a longo prazo.

Investem em acções de variadíssimas empresas mundiais e em várias áreas geográficas, podemos ter acções dos EUA, Europa, da Índia, China e Africa em apenas um fundo, como podemos ter um fundo em que aposta apenas numa determinada área geográfica.

São fundos que isoladamente, são aconselhados a investidores com maior apetência para o risco e devem ser utilizados sempre numa óptica de longo prazo.

Bons investimentos

2 thoughts on “Sabe quais são as classes de fundos de investimento que existem?”

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.