Prestação da casa volta a descer em maio

Prestação da casa volta a baixar, boas notícias para quem tem um crédito à habitação, com contratos a serem revistos em maio.

Para quem tem a  Euribor a 12 meses indexada à prestação da casa, é a primeira vez que se vai sentir as descidas registadas no último ano, refletido o valor negativo, o que até agora ainda não tinha acontecido.

Poupanças em causa nos contratos a 12 meses?

Segundo os cálculos do jornal online, a prestação mensal cai 2,7% o que, para um exemplo de um crédito no valor de 100 mil euros, a 30 anos, e com um ‘spread’ de 1%, reflete-se numa poupança mensal de 8,79 euros, com a prestação a fixar-se nos 321,18 euros.

Euribor a 12 meses tinha pouca expressão no total do crédito à habitação em Portugal – uma realidade que está a mudar com muitos bancos a utilizarem a Euribor a 12 meses como referência para os novos empréstimos para a compra de casa, devido às taxas negativas.

Nos prazos mais curtos, a redução na prestação será menor. Quem optou pela taxa a seis meses verá o valor da prestação cair 2,2% no próximo mês, o que para o cenário considerado se reflete numa poupança mensal de 7,22 euros, com a prestação da casa a fixar-se nos 315,34 euros

Já nos empréstimos indexados à Euribor a três meses, escreve o Diário Económico, a poupança esperada será de 4,65 euros por mês, com a nova prestação baixar para os 310,33 euros (menos 1,5% face à última revisão).

Fonte: Idealista

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.